Computação em nuvem entra na grade dos cursos de Tecnologia da Informação do Senac EAD

Estudo aponta que nos próximos três anos devem ser investidos R$ 142,7 bilhões na tecnologia de serviço de nuvem no país

Rio, 15:49 03/07/2020 – A tecnologia de computação em nuvem é realidade na maioria das empresas nacionais e trouxe ao mercado a proposta de aperfeiçoar os processos gerenciais e administrativos das organizações. Com a possibilidade de armazenar arquivos e informações, sem ocupar espaço físico, otimiza o trabalho dos colaboradores e facilita o acesso e compartilhamento de tarefas e informações, principalmente agora, com muitos colaboradores trabalhando a distância.

O Brasil se destaca neste cenário. Segundo levantamento recente divulgado pela consultoria BSA Global Cloud Computing Scorecard*, o país ocupa a 18º posição global em adoção de tecnologias Cloud no mundo. E as empresas querem acompanhar este movimento: nos próximos três anos devem ser investidos R$ 142,7 bilhões na tecnologia de serviço de nuvem, de acordo com relatório apresentado em 2019 pela Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom)**.

Vantagens empresariais

O coordenador do curso da graduação em Gestão de Tecnologia da Informação (TI) do Senac EAD, Rogério dos Santos Zenaro, destaca que o serviço de computação em nuvem nas empresas implica em redução de custos, economia de espaço e facilidade de atualização da infraestrutura. “Oferece uma ampla capacidade de recuperação de dados, acesso aos colaboradores, além de fornecer mobilidade e praticidade. Nesse sentido, todos os setores da economia podem se beneficiar com essa solução tecnológica”, observa.

Coordenador do curso da graduação em Gestão de Tecnologia da Informação (TI) do Senac EAD, Rogério dos Santos Zenaro

No Senac EAD, os estudantes de graduação têm acesso a conhecimentos de computação em nuvem nos cursos de Tecnologia em Gestão de TI, Tecnologia em Segurança da Informação e Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas. Além disso, a instituição conta com uma especialização focada nesse assunto, a pós-graduação em Cloud Computing, Zenaro detalha ainda os requisitos exigidos pelo mercado aos profissionais que atuam diretamente com a solução de Computação em Nuvem: “O profissional será responsável pelo desenvolvimento de uma arquitetura que atenda às necessidades de negócios específicos. Para isso, necessitará de conhecimentos sobre tecnologias como a Internet das Coisas (IoT) e Big Data, a fim de elaborar integrações de diversas soluções e respostas rápidas para a empresa”, finaliza.

Sobre o Senac EAD

Com mais de 70 anos de atuação em educação profissional, o Senac foi pioneiro no ensino a distância no Brasil. A primeira experiência nesta modalidade se deu em 1947 com a Universidade do Ar, em parceria com o Sesc, que ministrava cursos por meio do rádio.
A partir de 2013, com o lançamento do portal Senac EAD, a instituição ampliou a sua atuação em todo o país. Hoje, oferece um amplo portfólio de cursos livres, técnicos, de graduação, pós-graduação e extensão a distância, atendendo todo o Brasil e apoiados por mais de 350 polos presenciais.
Acesse a programação completa de cursos do Senac EAD em http://www.ead.senac.br Há também uma programação diversificada de cursos presenciais que pode ser conferida em http://www.senac.br
Fontes:
*BSA Global Cloud Computing Scorecard http://cloudscorecard.bsa.org/2018/?sc_lang=pt-BR
**Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom) http://brasscom.org.br/relatorio-setorial-de-tic-2019/
Informações para imprensa – Senac EAD